Workshops confirmados

O Ensino da Modelagem de Equações Estruturais nos Cursos de Administração e Contabilidade

Este workshop foi planejado em três momentos, que são detalhados a seguir:
Conceitos
– Destruição de escala versus construção de teoria
– Mensuração de construtos abstratos
– Hipóteses e modelo estrutural
– Importância da “”Quali”” na “”Quanti”” – interpretação e discussão
Práticas
– Como rodar modelos no SmartPLS 2 e no SmartPLS 3
– Como relatar os resultados
– Como rodar modelos no lavaan (pacote do R)
Reflexão – Por onde começar e como estimular a “mão na massa”
– Relato de experiência com a disciplina “Métodos quantitativos”
– Como continuar aprendendo

Construção e Validação de Escalas de Mensuração de Atitudes
Construção e Validação de Escalas de Mensuração de Atitudes

O uso de escalas em pesquisas em Administração, Ciências Contábeis e Turismo é uma das formas mais utilizadas para a mensuração de atitudes, principalmente naquelas situações em que o fenômeno não pode ser avaliado diretamente (ex.: grandezas físicas) e necessitam de uma avaliação de seus atributos para uma maior compreensão e operacionalização das variáveis necessárias à sua correta interpretação. Os objetivos deste workshop são: (1) apresentar os conceitos básicos sobre mensuração de atitudes, (2) demonstrar os procedimentos necessários para a construção de escalas, (3) apresentar as etapas necessárias para a validação de escalas, (4) avaliar os principais equívocos na construção e validação de escalas e (5) fornecer dicas úteis ao pesquisador sobre o uso de escalas de mensuração. O workshop está baseado na apresentação dos conceitos e exemplificação com escalas reais, encontradas em periódicos científicos da área.

Recomenda-se fortemente que todos participantes façam a leitura do texto a seguir em preparação para a oficina:

Hair, J., L.D.S. Gabriel, M., da Silva, D. and Braga Junior, S. (2019), “Development and validation of attitudes measurement scales: fundamental and practical aspects”, RAUSP Management Journal. Ahead of print. 

Etnografia em Estudos de Marketing: práticas, métodos e desenhos de pesquisa

A etnografia busca esclarecer as formas pelas quais a cultura constrói e, simultaneamente, é formulada pelas experiências e comportamento das pessoas. Por meio de métodos de coleta de dados e interpretação distintos, a etnografia auxilia os pesquisadores da área de marketing a desenvolverem relevantes contribuições teóricas para o campo de pesquisa de consumo e mercado. Com o objetivo de possibilitar o entendimento das possibilidades e potencial de sua utilização nos estudos de marketing, a oficina realizará uma discussão sobre os principais trabalhos etnográficos de marketing, tendo como foco as práticas, métodos e desenhos de pesquisa adotados, considerando desde a escolha do contexto até a formulação de perguntas de pesquisa.

Análise Multigrupo com o uso do SmartPLS

O objetivo desta oficina é apresentar aos participantes uma introdução à Análise Multigrupo (Multigroup Analysis) utilizando o SmartPLS v3. A Análise Multigrupo que é uma técnica avançada onde se procura testar se grupos pré-definidos possuem diferenças significativas entre si. Pré-requisitos: Notebook ou Laptop com instalação do SmartPLS v3 (download gratuito em https://www.smartpls.com/downloads).
– Supõe-se que os participantes tenham conhecimento básico de métodos estatísticos multivariados, como regressão múltipla e análise fatorial.
– Supõe-se que os participantes já tenham um conhecimento básico sobre o uso do SmartPLS v3.
– Conjuntos de dados, mais os modelos estruturais e de medidas correspondentes, também serão disponibilizados pelo instrutor

Publicação de impacto: Tips & Tricks
 
A publicação científica (de impacto) é um dos maiores desafios de estudantes e professores. Afinal, embora não existam garantias de sucesso nas submissões, é possível sim, maximizar as chances de sobrevivência do manuscrito ao longo da jornada de avaliação, até um possível Accept. Assim, o objetivo principal deste Workshop é apresentar e sugerir algumas práticas na publicação de impacto,
discutindo-se:
1) Importância da publicação de impacto na Academia;
2) Journal x agenda de pesquisa x impacto. Meu tema é um hot topic?
3) Processo de produção de manuscrito. Meu tema é realmente relevante?
4) Aderência do tema com o Aims and Scope do periódico;
5) Importância e oportunidade dos Call for Papers;
6) Final Tips and Tricks
O impacto da acreditação de MBAs nos processos de uma instituição de ensino
 
A oficina irá discutir como uma instituição que passou pelo processo de acreditação precisa se reestruturar e gerenciar seus processos para garantir a excelência na qualidade de ensino, gerar valor para a própria instituição e seus diversos stakeholders como alunos, sociedade, acionistas entre outros.
Ensinar com pesquisa: uma metodologia ativa de ensino-aprendizagem
 
Alguns dos desafios dos professores de várias áreas são: (1) integrar pesquisa ao ensino; e (2) motivar os estudantes a se engajarem com pesquisa, principalmente, no desenvolvimento do Trabalho de Conclusão de Curso (TCC). Ou seja, como fazer da pesquisa algo que poderá ser (ou pelo menos parecer) divertido. Esse é o seu caso? Pois saiba que entre as metodologias ativas de aprendizagem há exatamente uma proposta de ensinar com pesquisa. Está agora curioso/a? Venha então participar dessa oficina em que pretendemos de maneira prática exercitar algumas possibilidades sobre como integrar a pesquisa ao ensino!
Demystifying high-impact publishing
 
The Impact Factor (IF) is the principal metric for evaluating and accounting citations, and has been widely used as a bibliometric indicator in research performance evaluation and can be applied at all organizational levels (author, institution, country/ region, research field, or journal). However, some questions emerge: How to publish in High-impact International Journals? What are the inherent challenges, and how do we overcome them? This workshop deals with this theme and tries to shed light on the subject, helping to think strategies and demystify the high-impact publication.
Harmonização de Escalas de Mensuração em Ciências Sociais Aplicadas
 
No Workshop de Harmonização de Escalas, práticos e acadêmicos irão aprender como utilizar escalas preexistentes, que mensuram um determinado construto, mas que por algum motivo, não conseguem mais dar conta das necessidades e complexidade em voga e precisam ter seus itens harmonizados para que uma nova escala seja gerada. Ao fim da atividade os participantes irão compreender e ter uma ferramenta de aplicação do passo a passo para harmonizar escalas, em um passeio nas melhores práticas e protocolos disponíveis na literatura. 

Praticando Liderança Estratégica no Laboratório de Gestão

Fundamentos de Process Tracing

O process tracing (ou rastreamento de processo) é uma metodologia para analisar evidências sobre processos, sequências e conjuntura de eventos em estudos de caso com propósito de desenvolver ou testar proposições sobre mecanismos causais em um determinado caso. É uma técnica aplicada a estudos na área de ciência política, sociologia e administração pública. O workshop tem por objetivo discutir e apresentar a evolução dessa metodologia, os conceitos básicos, aplicações, limitações e boas-práticas. É desejável que o aluno tenha tido contato com disciplinas de pesquisa qualitativa, de modo a compreender melhor a aplicação dessa metodologia.Este é o cabeçalho

Design Thinking

Aprenda como esta abordagem vai ajudá-lo a resolver problemas complexos de maneira criativa, utilizando uma visão orientada ao cliente (interno e externo). Desta forma, desenvolva uma postura mais prática, embasada em fatos e experiências reais, tornando-se preparado para responder as necessidades dos usuários por meio de atributos funcionais, emocionais e sociais. Ouça o cliente e faça uso das informações que ele te fornece, em primeira mão, para gerar melhorias reais nos serviços ou produtos que você ajuda a desenvolver. Ou até mesmo em suas pesquisas acadêmicas. Tópicos abordados: prototipação de produto inovador; desenvolvimento de uma jornada do cliente; criação de personas; elaborar um modelo de negócios, utilizando Business Model Canvas; levantar as dores do cliente, através do Value Proposition Canvas.

Design de Experimentos: uma aplicação em administração

No mundo da pesquisa quantitativa, os estudos podem ter classificação descritiva ou causal. O método experimental consiste analisar causa e efeito de um evento. Sua finalidade é verificar uma hipótese a partir da observação de um fenômeno natural ou provocado (induzido). Esse workshop tem como objetivo apresentar o método experimental, dando ênfase em como montar um experimento (design experimental) na área de administração.

Oficina de Redação Cientifica​

O objetivo principal da Oficina de Redação Científica é despertar o(a) participante para o conhecimento e a habilidade em comunicação científica escrita. Abordam-se o texto, o parágrafo, a frase e as palavras. Exercita-se a aplicação dessas noções à seção de um artigo já publicado. Aponta-se bibliografia útil para sobre como o(a) cientista deve escrever (e erros frequentes a evitar).

Revisão Sistemática de Literatura​

Escrever revisões de literatura, diferentemente do que parece a princípio, não é uma tarefa simples. Ela pode ser muito facilitada com a adoção de técnicas simples, que estão documentadas em várias fontes, mas que raramente são estudadas. O resultado é que os estudantes gastam mais tempo do que o necessário fazendo essas revisões e com resultados que, com frequência, são pouco satisfatórios. Essa oficina dará orientações sobre como abordar a tarefa e produzir uma revisão, tanto como passo preliminar de um projeto de pesquisa ou de um artigo publicável.
Objetivos:
1. Entender as etapas fundamentais de uma revisão de literatura
2. Conhecer os erros mais comuns das revisões feitas por estudantes.

Eficácia na submissão de projetos a agências de fomento

Várias podem ser as razões para o insucesso na obtenção de recursos junto às agências de fomento: desde a competitividade do projeto, curriculum do proponente, orçamento, composição da equipe, entre outras. Há, porém, um aspecto fundamental: as agências de fomento destinam os seus recursos de acordo com os seus propósitos e interesses e o seu projeto precisa estar alinhado com eles. Este é um segredo-chave para obtenção de sucesso dos recursos para o seu projeto. Nesta oficina você vai aprender a ler editais, analisar o alinhamento do seu projeto. O seu projeto é um produto. É preciso saber trata-lo com tal.

Uma Experiência em Metodologia de Ensino-Aprendizagem Ativa
 
Nas metodologias ativas e experienciais, as atividades são suporte para o processo de reflexão. Este não é automático ou evidente, devendo ser desenvolvido por meio de um percurso estruturado. Infelizmente, é comum que professores universitários tenham se formado especialistas em suas áreas, sem terem a oportunidade de passar por uma formação em ensino e aprendizagem. O objetivo deste workshop, organizado em torno de uma atividade de cooperação em grupo, é simplesmente o de oferecer aos participantes uma vivência singela em uma pedagogia baseada na reflexão a partir da experiência. A intenção do workshop é de despertar o interesse pela utilização da abordagem.
Aviso: A atividade central do workshop requer o uso de venda por um período de 15 a 20 minutos. A participação não é recomendada para pessoas que tenham claustrofobia, sonolência ou desconforto emocional ao ficarem com os olhos vendados. Não será permitida a entrada de retardatários após o início dos trabalhos.
Introdução à Metodologia de Investigação em Marketing e Estratégia: da formulação do problema à escolha do design de pesquisa
 
Esta oficina pretende oferecer uma introdução à metodologia de investigação em Marketing e Estratégia. Da formulação do problema à escolha do desenho de pesquisa e métodos de recolha de dados, será fornecido um guião prático útil para iniciados em investigação em marketing e estratégia. Os conteúdos serão apresentados de forma dinâmica com recurso a exemplos práticos com base em estudos publicados. 
Como organizar uma tese de doutorado a partir de estudos múltiplos?
 
Resumo: A elaboração de uma tese organizada em diferentes estudos é uma opção que tem sido alvo de interesse em programas de pós-graduação do país. Mesmo com iniciativas de definir uma estrutura alternativa para elaboração de teses, nota-se ainda a necessidade de aprofundar as discussões sobre este formato. O objetivo do workshop é apresentar e discutir uma estrutura alternativa para o desenvolvimento de uma tese de doutorado, que considera vários estudos inter-relacionados. Pretende-se apresentar instrumentos que auxiliam na organização da tese por estudos como a Matriz Metodológica de Amarração na introdução e da Matriz Contributiva de Amarração nas considerações finais, assim como os principais benefícios e desafios associados a esta estrutura. O público alvo são, principalmente, alunos de doutorado e professores interessados neste tipo de estrutura.
Redação de Trabalhos Acadêmicos com Auxílio do Software Mendeley
 
O Mendeley é uma ferramenta que auxilia na elaboração de trabalhos acadêmicos. Trata-se de um software com diversas funcionalidades e que pode ser integrado ao seu editor de texto. Com o Mendeley, você pode estruturar e organizar as referências e formatá-las de acordo com a normas de referenciamento de maneira automática. Também é possível utilizar o software para gerar as citações ao longo do trabalho. Além de simplificar a organização e a formatação de um trabalho acadêmico, o Mendeley também funciona como uma rede social. Assim, o usuário pode explorar e se manter atualizado com as tendências de pesquisa da sua área e conversar com outros pesquisadores. Uma ferramenta funcional e inovadora que tem se mostrado um importante recurso no processo de produção e escrita.
Conteúdo Programático:
– Versões on-line e desktop do Mendeley;
– Coleta, organização e compartilhamento de referências;
– Utilização do Mendeley integrado ao Word;
– Citação e geração automática de referências em diversos estilos de normalização: ABNT, APA, Vancouver etc;.

Análise Comparativa Qualitativa (QCA)

A Análise comparativa qualitativa utiliza-se da lógica da Álgebra Boleana para comparar casos, é bastante apropriado para analisar modelos que envolvem muitos fatores de interação, portanto, teste hipóteses que prevejam se várias condições funcionarão juntas. Somado a isso, permite o uso de amostras pequenas e testa as condições necessárias e suficientes para se obter a respostas às hipóteses, é possível utilizar a ferramenta Stata para realizar a análise de QCA.

Mediação e Moderação com uso de Regressão Linear

Neste workshop apresentaremos e analisaremos modelos que contêm efeito de mediação e moderação. Serão mostrados exemplos de como rodar e interpretar modelos com uso do aplicativo PROCESS (para SPSS). Espera-se, dos participantes, aprimoramento de suas habilidades de compreensão e avaliação da qualidade de artigos científicos que utilizem técnicas de regressão para testar hipóteses de pesquisa envolvendo mediação e moderação. Além disso, espera-se contribuir para ajudar os participantes a empregarem modelos que envolvam variáveis mediadoras e moderadoras em seus próprios artigos científicos na área de Administração. O pré-requisito para o bom acompanhamento deste workshop é o conhecimento de modelos de regressão linear múltipla.

Metodologia para trabalhos práticos e aplicados: Administração e Contabilidade

Proposta metodológica de um caminho estruturado para a produção de trabalhos com viés tecnológico, que parte da identificação de questões reais da empresa, apresenta as soluções e alternativas de ação que provocam mudanças em seus processos, estruturas e rotinas e a sua implantação, tendo em vista a melhoria de produtividade, conforme se apresenta no e-book Metodologia para trabalhos práticos e aplicados: Administração e Contabilidade, disponível em http://up.mackenzie.br/fileadmin/ARQUIVOS/PUBLIC/SITES/UP_MACKENZIE/servicos_educacionais/graduacao/Administracao_SP/2017/Metodologia_trabalhos_praticos.pdf.

Archival Research Design: Enfoque Contábil e Financeiro

A utilização de métodos quantitativos em pesquisas nos campos Contábil e Financeiro está longe de ser uma novidade. Todavia, se por um lado o estudo e a prática de tal abordagem metodológica alcançou momentum nessas áreas do conhecimento, percebe-se a ausência de uma discussão estruturada acerca do design de estudos com essa natureza. Referida lacuna, por vezes, implica na utilização de técnicas inadequadas para o tipo de dado que se tem e para a multiplicidade de problemas que se apresenta.

Nesse sentido, o presente workshop terá por finalidade realizar a análise de artigos que aplicaram importantes técnicas para lidar com dados tanto no cerne contábil quanto financeiro. As técnicas objeto de nossa análise serão:

(i) Linear and non-linear (logistic regression)
(ii) Fixed effects
(iii) Experimentos naturais e quase-naturais
(iv) Difference-in-differences
(v) Propensity-score matching

É importante ressaltar que nesse seminário não serão executados scripts em pacotes estatísticos. O enfoque do treinamento será analisar a aplicação das técnicas mencionadas com base em artigos publicados, de modo que possamos, a partir da identificação metodológica desses materiais, compreender as razões que levaram os autores ao uso de tais abordagens e os desafios encontrados em sua consecução.

Cientometria e Revisão de Literatura com o uso do R

Deseja aprender sobre como obter, processar e visualizar dados para sua pesquisa acadêmica?
Nessa oficina o aluno irá aprender de uma maneira prática sobre o uso do Software R e alguns pacotes adicionais para a realização de estudos cientométricos, revisão da literatura e análise de redes sociais. A oficina proporcionará uma compreensão aplicada para diferentes níveis de análise, obtenção de diferentes métricas e dados estruturais, tais como análise de estrutura intelectual, social, colaborativa, análises fatoriais, multidimensionais, historiografia, modelagem de temas, evolução história, entre outros.

S&P Capital IQ e Compustat: principais funcionalidades
 
Treinamento das plataformas S&P Capital IQ e Compustat, com o objetivo de abordar as principais funcionalidades e recursos disponíveis, de modo a facilitar o uso e extração de dados. Passo a passo para localizar informações atuais e históricas de empresas, como demonstrativo de resultados, estimativas de mercado, transações e estrutura societária; instruções para utilizar a ferramenta de Screening e o plug-in para Excel.
Princípios de Pesquisa Quantitativa
 
Esta oficina propiciará ferramentas que capacitarão aos participantes estruturar um projeto de pesquisa com base em métodos quantitativos. Serão apresentados métodos de inferência estatística, modelos de regressão linear, modelos de dados em painel e desenhos de pesquisa considerando inferência causal. Os participantes também terão contato com análise descritiva de banco de dados e principais cuidados em lidar com amostras. A oficina irá apresentar as principais estratégias de pesquisa com base em métodos quantitativos. A oficina é direcionada a pesquisadores que atuam na área de Administração.
Pesquisa experimental em Estratégia e Inovação: uma aplicação em capacidades dinâmicas
 
O número de publicações usando o método experimental em top journals nas áreas de estratégia e inovação tem crescido bastante como uma alternativa às abordagens tradicionais. Porém, o uso de experimentos nessas áreas ainda é baixo. Desta forma, há muitas oportunidades para aplicação desse método no intuito de aprofundar as contribuições teóricas em administração. Com o objetivo de introduzir o método experimental para pesquisas em estratégia e inovação, esta oficina aborda as indicações e contra-indicações do método, os tipos de experimentos e os principais cuidados para desenhar um experimento adequado. 

O Papel da Teoria na Pesquisa em Administração